O mundo dos negócios está passando por uma rápida transformação causada pelas criptomoedas. É bom você se adequar antes que perca mais esta oportunidade.

Acho que você já ouviu falar nas moedas virtuais ou criptomoedas não é verdade?

Se ainda não ouviu, PEGUE UM DELICIOSO CAFÉ E PRESTE BEM ATENÇÃO. Esta pode ser a nova oportunidade, mas como toda oportunidade, apresenta alguns riscos que merecem cuidado.
Alguns anos atrás surgiu o BITCOIN a primeira moeda virtual. Inicialmente não demos a devida atenção ao que parecia ser mais uma invenção “desnecessária”, afinal com tantas moedas, e países se unindo em prol de uma única moeda (como a união europeia que adotou o euro), por que então criar mais uma moeda?
O que nos era mais estranho? uma moeda virtual, sem um órgão regulador e sem uma indexação de valor, cujo a cotação é especulativa, basicamente aos moldes das bolsas de valores. Pois bem, naquele momento nascia a mais valiosa moeda a nível mundial, e quem confiou e investiu seus centavos hoje é dono de verdadeiras FORTUNAS.
Em seu lançamento um bitcoin valia menos que US$ 0,01 centavo de dólar. ISSO MESMO, a moeda que já está cotada na casa dos US$ 18 mil dólares, em 2009 não chegava a valer um único centavo. Não foi dessa vez que ficamos ricos…
O frenesi foi tamanho que outras moedas surgiram (Ehereum, Zcash, Monero, Litecoin, Bcash, Bgold, dentre outras) e hoje o bitcoin apesar de ser a mais conhecida e valiosa não é nem de perto a que mais tem se valorizado nas cotações.
Destaco que nosso post de hoje não é para falar precisamente das moedas, mas da OPORTUNIDADE QUE VOCÊ EMPRESÁRIO PODE ESTAR PERDENDO.
Essas moedas não são ilegais, que fique claro. Embora o banco central tenha saído com algumas notas informando do risco que é investir nelas, e, de que já estaria buscando alternativas para de alguma forma impedir a existência delas no mercado brasileiro, é nítido que nosso (des)governo não entende nada de tecnologia, oportunidade, desenvolvimento, mercado, comércio, e tantas outras coisas mais.
O fato é que a bolsa de valores de Chicago lá no País do Tio San já está negociando contratos futuros com a moeda Bitcoin (eles sim entendem da coisa). O governo do Japão já fez declarações de reconhecimento quanto as criptomoedas. O governo da China já montou estruturas para mineração das moedas (pesquise sobre mineração de criptomoedas). Até o louco do Nicolás Maduro presidente da Venezuela declarou que irá investir no desenvolvimento da sua própria criptomoeda (já deu até nome). Digamos que o mundo anda para frente nesse quesito, o governo brasileiro decidiu andar para trás (como de costume).
Ismael e qual a oportunidade para os empresários nisso tudo???
Okay, Okay, não esqueci, vamos lá!
Já existe no mercado alguns aplicativos, inclusive em português, que podem ser utilizados no comércio para o recebimento de pagamentos com esse tipo de moeda. Basta antes de qualquer outra coisa, que você crie sua “carteira virtual” para recebimentos de cada criptomoeda.
Como cada moeda tem sua forma de funcionamento, é natural que você tenha que optar por receber umas em detrimento de outras. Então compete a você prestar atenção qual é mais conveniente para escolher. (Se eu puder dar só uma dica, escolha as que funcionam com Ethereum, Monero, Zcash -, Não é o momento para Bitcoin, apesar de ser a mais valiosa e famosa, ela é a mais lenta para efetuar a negociação, podendo demorar até 10 minutos -, pesquisem sobre isso também).
O fato de você poder receber pagamentos com essa nova forma de moeda pode ser uma oportunidade, pois além do lucro natural pela venda do produto, você pode lucrar ainda mais pela valorização da moeda. E anualmente essas moedas andam se valorizando na casa das centenas e milhares de reais.
Não vou ser descuidado, preciso dizer que HÁ RISCOS. Como tudo na vida que se refere à investimentos, HÁ RISCOS SIM. Por experiência própria, fiz um investimento em um dia, e dois dias depois havia perdido certos valores, porém uma semana depois já era visível que havia recuperado e lucrado (sim, me estressei me aperreei, mas enfim, alguma coisa lucrei – porém continuo vivendo como antes, mero estudante!).
A mensagem que quero passar aqui é que nós precisamos estar atentos ao que o mercado está criando, desenvolvendo, transformando. Se ainda não se apropriou deste tema, o faça, quer seja por curiosidade ou por gostar da emoção de investir em coisas novas. Tenha cuidado, não arrisque tudo. Só não deixe a oportunidade passar, se planeje, troque ideias com quem conhece do assunto e siga sua intuição.

Fonte http://www.administradores.com.br/artigos/cotidiano/aceitar-criptomoedas-como-forma-pagamento-e-a-nova-oportunidade-corre-para-se-adequar/108379/

Por Ismael de Mendonça Azevedo

 

Comentários

Comentários