GLOBAL LEGAL HACKATHON

edição 2019 - brasil

O Global Legal Hackathon [GLH] é uma iniciativa internacional que busca engajar faculdades, escritórios, empreendedores, empresas de tecnologia, governo, prestadores de serviços e outros atores do ecossistema da Justiça no desenvolvimento rápido de soluções inovadoras, incrementais ou revolucionárias, que impactem positivamente o Ecossistema da Justiça.

quem participou?

1 +
participantes
1 +
equipes
1
cidades
1
países

equipes brasileiras na final

A plataforma de Soluções para problemas do Consumidor

O robô jurídico que tem como propósito facilitar e qualificar seu acesso à justiça.

dúvidas frequentes

O Global Legal Hackathon [GLH] é uma iniciativa internacional que
busca engajar faculdades, escritórios, empreendedores, empresas de
tecnologia, governo, prestadores de serviços e outros atores do
ecossistema da Justiça no desenvolvimento rápido de soluções
inovadoras, incrementais ou revolucionárias, que impactem
positivamente o Ecossistema da Justiça.

  • Sou desenvolvedor ou desenvolvedora. Escrevo códigos, desenvolvo aplicações.
  • Sou designer. Antes, competia-se no preço, hoje é na qualidade. Amanhã será no
    design.
  • Sou empreendedor ou empreendedora. Gosto de transformar ideias em negócios
    concretos.
  • Sou da área jurídica. Acredito que a tecnologia pode impactar positivamente no
    acesso à Justiça.

O GLH está estruturado em 3 etapas, uma local e duas globais. A primeira é local e será
realizada de 22 a 24 de fevereiro de 2019 e o time vencedor vai participar da segunda, e
global, etapa.
Na primeira etapa global, os times terão até o dia 15 de março de 2019 para submeter uma
evolução do MVP desenvolvido para o julgamento da banca avaliadora internacional. Em 25
de março, serão anunciados os finalistas que vão para segunda, e última, etapa global.
Os times finalistas deverão submeter uma nova evolução dos seus MVP e aí é só fazer as
malas! O anúncio dos vencedores globais será feito em 04 de maio de 2019 durante um
jantar de gala em New York, nos EUA.

Para maiores informações, acesse o regulamento.