Google teve ajuda de fotógrafos para treinar inteligência artificial

As empresas de tecnologia estão trabalhando cada vez mais no desenvolvimento da inteligência artificial, mas o Google deu um passo além e para garantir que as máquinas não vão cometer erros, contratou fotógrafos profissionais para o aprendizado da câmera inteligente Clips.

Conforme relata o The Verge, a empresa contou com a ajuda de fotojornalistas, fotógrafos artísticos e de documentários para produzir dados visuais para treinar a rede neural que alimenta a câmera. Basicamente, o sistema foi alimentado com milhares de imagens consideradas boas ou ruins e aprendeu a reconhecer técnicas de fotografia que ajudam na produção de imagens de qualidade.

No entanto, a companhia admite que o treinamento de programas de inteligência artificial pode ser um processo impreciso, pois mesmo com um alto número de dados, não é possível determinar exatamente quais fotos a câmera vai achar que valorizam mais o usuário.

Por Juliana Américo

Comentários

Comentários