JULGA A JATO. O ecossistema ganhando destaque na mídia.

A indústria da música foi a primeira a nos ensinar o que o avanço tecnológico pode fazer com um setor inteiro da sociedade. Do surgimento do Napster até o streaming do Spotify, a música foi obrigada se repensar como produto. Com a telemedicina, ainda sem regulamentação no Brasil, ninguém sabe direito o que será, no futuro, uma consulta médica. E a pressão tecnológica também bate à porta dos tribunais. Muito além de digitalizar documentos e protocolar processos via internet, várias startups especializadas, conhecidas como “legaltechs” ou “lawtechs”, estão enxergando formas de diminuir o papelório do Judiciário e, de quebra, encontrar um novo jeito de fazer negócios entre um recurso.

Leia a matéria na íntegra: //tab.uol.com.br/edicao/direito-digital#julga-a-jato

Reportagem: Jacqueline Lafloufa / Arte: Alex Kidd / FONTE: UOL.

Comentários

Comentários