LawTech tem taxa de êxito em acordos de 84% – contra 12% da Justiça normal

Acordo Fechado usa um modelo eficaz para solução de conflitos baseados no conceito de ODR

 

Nos Juizados Especiais Cíveis, em que a presença de um advogado não é exigida nas causas de até 20 salários mínimos, 16% das divergências terminaram na chamada via da conciliação. Além disso, o percentual cai para 13,6% quando o processo chega ao primeiro grau e, na segunda instância, os resultados são ainda menores, alcançando a marca de 0,4%.

Diante dos dados, a conclusão é clara: a maior parte dos Tribunais de Justiça ainda não utilizam, em potencial, um modelo eficaz para solução de conflitos baseados no conceito de ODR (em inglês Online Dispute Resolution). Por outro lado, as startups estão se destacando na efetividade em solucionar tais processos de forma muito mais rápida e com menor custo, trazendo vantagens para todas as partes envolvidas. Startups inseridas no movimento da AB2L e do LawTech Conference, que você não pode perder.

Falaremos hoje sobre a Acordo Fechado (confira seu perfil no StartSe), lawtech focada em solução online de conflitos por métodos colaborativos. Seus números demonstram como a utilização do modelo ODR traz resultados expressivos e efetivos. A startup, em apenas um ano de vida, já contribuiu efetivamente em mais de 50 mil processos e em algumas empresas, o percentual de êxito dos acordos chegou aos 84%! Volte e leia os números do início dessa matéria. Olha o impacto que esse player está promovendo.

Para as empresas, o método de solução ODR ajuda na diminuição na carteira de processos; no valor do tíquete médio e contingência, consequência do aumento do número de acordos; possibilita o rápido recebimento de honorários pelos patronos; e, por fim, otimização de tempo e recursos.

O modelo, se incentivado pelos Tribunais de Justiça através de parcerias privadas ou iniciativa própria, poderá nos próximos anos potencializar ainda mais a redução de processos em andamento no Poder Judiciário. Assim, revela-se como peça chave dessa grande engrenagem na contribuição de uma sociedade mais justa, possibilitando o advento de uma nova cultura social voltada ao diálogo e aos métodos colaborativos de solução de conflito.

Se você tem interesse em ficar por dentro de todas as novidades que estão acontecendo no setor jurídico, não perca a chance de participar do LawTech Conference, maior conferência de lawtechs da América Latina, que acontecerá no próximo dia 10 de outubro, em São Paulo. Clique aqui e participe.


Lucas Bicudo é repórter do Portal StartSe.

Comentários

Comentários